A Associação Meditar é uma sociedade civil sem fins lucrativos, não religiosa ou doutrinária. O primeiro núcleo surgiu em Porto Alegre-RS, e, atualmente, possui núcleos nas cidades de Santa Cruz do Sul, Lajeado, Novo Hambugo, Santa Maria, São Francisco de Paula, Capão da Canoa, Florianópolis, Chapecó e Cuiabá.

A Associação Meditar se propõe a: Difundir a prática da meditação; Congregar os praticantes da meditação; Coletar e divulgar os benefícios à saúde física e mental promovidos pela prática adequada da meditação; Criar, apoiar e promover a difusão de locais adequados para a prática de meditação (Núcleo ou Centros Meditar) no Brasil e no exterior; inclusive, com sedes rurais para abrigar seus membros em vida comunitária voltada à meditação, ao estudo, ao trabalho natural na terra, à contemplação da natureza.

Dedica-se a orientar a iniciação e o desenvolvimento das pessoas (empresa, escolas, associações) na meditação de forma clara, simples, objetiva e segura; Promover cursos, palestras, workshops, retiros e atividades voltadas à prática da meditação; Incentivar e promover a atitude mediativa, altruísta e pacífica, que implique na paz interna e externa, na não-violência, no respeito pela natureza, alimentação natural, bons valores humanos, no conhecimento e na sabedoria.

A Associação Meditar de Cuiabá se reúne as 4ª feiras - 20 h - e aos sábados - 8 h - para meditar e estudar na Academia Ligia Prieto. Endereço: Rua Min.João Alberto, 137 – Araés - Cuiabá. Informações pelo tel. (65)3052-6634.

terça-feira, 26 de julho de 2011

Palavras do Darma - Acessar a Verdade




Buda recomendava que analisassem e refletissem sobre seus ensinamentos, antes de os aceitar.

Ele não queria que as pessoas concordassem cegamente, mas que verificassem em si mesmos se o ensinamento era correto ou não: porque se achar que não é correto, descarte, jogue fora”.
Embora Buda sempre falasse o Darma Verdadeiro, a compreensão das pessoas variava.

Não que uma pessoa seja melhor do que outra. Nossas habilidades são, definitivamente, únicas. Somos semelhantes e ao mesmo tempo, diferentes. Em determinados momentos, devido a causas e condições, nossa capacidade de absorção, de compreensão, varia.

Cada um, cada uma de nós, neste instante, é a manifestação do Darma Correto.
Entretanto, se não houver prática, reflexão, treinamento, não haverá realização. Realização é tornar real. É a ação real, verdadeira, onde se manifestam todas as experiências do passado e todas as possibilidades do futuro.

Monja Coen
Extraído de “Palestra do Darma” na Comunidade Zen Budista – 22/02/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário